I Remember You/ Hello Monster

Quando um serial killer ataca mulheres com aparência semelhante, a Equipe Especial de Investigação Criminal do departamento de polícia fica perplexo. Enquanto Cha Ji An (Jang Na Ra), um detetive, e seus colegas estão avaliando a cena do crime mais recente, o misterioso Lee Hyun (Seo In Guk) aparece e imediatamente analisa a cena do crime e recria o suspeito apenas olhando todo o cenário do crime. Hyun que anteriormente trabalhava como consultor no departamento de polícia de Nova York recebeu um e-mail anônimo que o trouxe dos Estados Unidos para a cena do crime. O assassino em série parece estar enviando uma mensagem pessoal à Hyun com as pistas que ele deixa para trás, e Hyun se pergunta se ele poderia estar relacionado a um “monstro” criminoso que na sua infância matou seu pai e foi responsável pelo desaparecimento de seu irmão mais novo. Ji An conhece Hyun desde a infância e costumava “stalkea-lo”, mas não Hyun não parecem se lembrar dela. Com nenhuma pista para capturar o assassino em série, Ji An e seus colegas solicitam a ajuda de Hyun. Pode Hyun e Ji An resolver o caso e encontrar respostas para seus passados?

Quem vos fala aqui é uma órfã desse série tão boa. Já fazia um tempo que um dorama não prendia tanto a minha atenção como aconteceu agora com esse. I Remember You tem uma pegada suspense policial que gosto muito. Desde de o começo a história te envolve no mistério e na tentativa de descobrir quem é “monstro” ali ou não. E, uma vez que você descobre, fica querendo saber o que acarretou àqueles acontecimentos e o que ainda vai acontecer. Além de ter o foco na história dos personagens principais ainda conta com outros casos policiais paralelos, ou nem tão paralelos assim, bem instigantes.

  

O que faz um de uma pessoa um psicopata? Ela já nasce assim ou é fruto da sociedade? Esse é um dos principais pontos desse dorama. Essa temática foi um diferencial enorme na história. Você vê os dois lados da história e faz você pensar, como eles mesmo citam “O mal está escondido em pessoas normais. As vezes, as pessoas mais cruéis tem o rosto de anjo.” E por mais louco que pareça, você se vê simpatizando (mas também não tanto) com os psicopatas da trama.

Algo que me chamou bastante atenção e foi um diferencial bem vindo foi o fato de o romance não foi o foco principal. Tem romance? Tem! Sabemos que ele tá ali, mas não rouba toda a cena. E, por vezes, eu me encontrava mais preocupada com o bromance da história do que com o casal principal. Ah, e o que foi o bromance? Apenas <3.

Quanto as atuações todo o elenco fez um ótimo trabalho. Tenho apenas que dar uma ressalva para a atuação do D.O. (que vem chamando minha atenção desde It’s Okay, that’s Love) que conseguiu ser um serial killer creep e, ao mesmo tempo, ter um jeito todo inocente. E para Park BoGum que, com aquela cara de cachorro que caiu da mudança, fez meu coração sofrer um monte.

 

I Remember You foi um dorama com uma história tanto diferente, mas incrível. Eles conseguiram manter o ritmo da coisa do começo ao fim. Houveram algumas reclamações quanto ao final. Realmente ficou um pouco “em aberto”, e mesmo que tenha ficado algumas coisas apenas implícitas ali, o final, para mim, foi satisfatório. Mas se, por um milagre, rolasse uma segunda temporada eu ficaria mais que feliz.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s